Inflação – O pior inimigo de seu dinheiro

RSS
Facebook
Facebook
Google+
Google+
http://granagrana.com/inflacao-o-pior-inimigo-de-seu-dinheiro/
Youtube
Youtube
Pinterest
Pinterest
LinkedIn
Flipboard magazine

 

O que é inflação?

O conceito econômico de inflação pode ser definido como a desvalorização da moeda que causa um aumento no nível geral de preços de bens e serviços na economia ao longo de um período de tempo.
O termo inflação, portanto, se refere à desvalorização da moeda, e não ao aumento de preços dos bens. O aumento de preços é uma consequência da inflação e não a sua causa.

Quando a moeda se desvaloriza, o nível de preços sobe, cada unidade monetária compra menos bens e serviços; consequentemente, a inflação é uma erosão no poder de compra do dinheiro – uma perda no valor real do meio interno de troca (dinheiro) da economia.

Com a subida dos preços, o dinheiro compra menos a cada ano; em outras palavras, quando a inflação está presente, seu dinheiro vale cada vez menos…

Se quiser aprender muito sobre inflação, recomendamos a leitura do livro Pai rico, Pai pobre de Robert Kiyosaki, que trata do tema de forma prática e com exemplos muito claros, mostrando a perspectiva histórica da inflação, suas causas e consequências.

A magnitude da inflação – a taxa de inflação – é normalmente divulgada na forma de algum índice anualizado que acompanha a variação de preços no mercado.

inflation rates
Histórico da taxa de inflação nos Estados Unidos

Como a inflação funciona?

O aumento na quantidade de oferta de dinheiro ou na oferta de moeda global na economia (degradação do meio de troca) já ocorreu em muitas sociedades ao longo da História, mudando com as diferentes formas de dinheiro já utilizadas.

Por exemplo, quando o ouro era usado como moeda corrente (veja O Padrão-ouro – Dinheiro versus Moeda corrente), o governo podia coletar as moedas de ouro, fundi-las, misturá-las com outros metais como prata, cobre ou chumbo, e reeditá-las com o mesmo valor nominal. Ao fazer isso, o governo torna-se capaz de emitir mais moedas sem a necessidade de aumentar também a quantidade de ouro usada para fazê-las. Quando o custo de cada moeda é reduzido desta forma, desvalorização da moeda, a conseqüência é a inflação.

Esta prática aumenta a oferta de dinheiro, mas, ao mesmo tempo, reduz o valor relativo de cada moeda. Como o valor relativo das moedas torna-se menor, os consumidores devem utilizar mais moedas para comprar os mesmos bens e serviços. Assim, estes bens e serviços sofrem um aumento de preço devido ao valor de cada moeda ter sido reduzido.

Geralmente, a inflação está associada a momentos de crise econômica. Para entender melhor como elas se relaçionam, recomendamos a leitura do livro Inflação e Crises: O Papel da Moeda de Affonso Celso Pastore que faz um interessante estudo desta relação.
 

 
Clique abaixo para a próxima página do artigo…

RSS
Facebook
Facebook
Google+
Google+
http://granagrana.com/inflacao-o-pior-inimigo-de-seu-dinheiro/
Youtube
Youtube
Pinterest
Pinterest
LinkedIn
Flipboard magazine

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *